Página inicial > MPB > Z > Zizi Possi > Canção de Amor (Cançó D'amor)

Canção de Amor (Cançó D'amor)

Zizi Possi

Asa Morena


Se hoje falo de amor
É talvez para dizer-lhes
Sem força, nem manha
Que fiz muitas canções
Escondendo verdades
Sob um jogo de palavras
Talvez não tenha razão
Mas preciso dizê-lo agora
Falarei das leis
Que convertem nosso corpo
Em tão grosseira mentira
Que é preciso saber
O quanto as leis confundiram
Males - valia e família
Não sei se tenho razão
Quem sabe você, quem sabe eu
E falarei daqueles
Para quem o corpo é cárcere
De paixões condenadas
Que num clandestino leito
Quando por fim vem a noite
Escondidos se amam
Não sei se tenho razão, quem sabe você, quem sabe eu
O amor é o prazer
Gratuito e sincero
De um enternecido jogo
Um poema de peles
Onde o sexo é o acento
Da mais sensível linguagem
Não se se tenho razão, quem sabe você, quem sabe eu
Se hoje falo de amor
É talvez para dizer-lhes
Sem força, nem manha
Que farei minhas canções
Escondendo verdades
Sob um jogo de palavras
E é somente por ele
Que é preciso fazê-lo agora

Compositor: V.Stalimir Vieira, Luiz Llach

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Zizi Possi no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS