Desabafo

Ziza Fernandes


Tenho um soluço preso na garganta
E uma mordaça pra arrancar da voz

Já é tempo de plantar certeza
Libertar o que está preso em nós

Muitas palavras que não foram ditas
Sonhos que o medo calou
Barco amarrado ao cais
Gesto que não se libertou

Máscaras pra ser
A vitrine que o mundo quer ver
Risos pra esconder a dor
E um jeito de me proteger

E aí chega você, Jesus
Sem pedir explicação
O silêncio desse seu olhar
Gritando no meu coração

Nada pra entender
É fé, sentir e confiar
Ninguém é tão forte
Que não precise amar

Eu me entrego e me desarmo
Os muros são pedras no chão
Das ruínas você me restaura
Minha força é a sua mã006F

Te faço Senhor da minha vida
Ser liberto, solto em seus braços
Cuida Jesus dos meus sonhos
Sigo buscando os seus passos

Compositor: Amauana de Pádua / Vinícius del Bianco

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Ziza Fernandes no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS