Página inicial > Z > Zé Dias > Um Dia Mau

Um Dia Mau

Zé Dias


Um dia mau,

Mais um dia que acordas-te ao frio,
Não sabes do teu colchão
E a falta de cobertor provocou-te um arrepio.

Ainda não,
Tinhas o outro chinelo calçado
Já sabias em segunda mão
E a miúda que era gira tinha acabado de te ter deixado.

Um dia mau, é um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Agarras um copo para beber
Para não te lembrares que é um dia mau.

É um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Telefonou-te o teu amigo a recordar-te que era um dia mau.

É da ressaca e da dor de cabeça,
Faz com que tudo mal te aconteça,
E quando das por ti
Já nem sequer tens imaginação.
Sabes de tudo mas não sabes de nada,
Nunca tiveste fio à meada
Dessa história que ainda agora começou.

É um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Pegas um copo para beber
Para não te lembrares que é um dia mau.

É um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Telefonou-te o teu amigo a recordar-te que era um dia mau.

Tão mau! (x10)

Mas tu não te sentes mal,
tu entanto e no final
tu só querias uma razão,
que o teu destino encontrou.

Um dia mau, é um dia mau!
Quando tentas esquecer,
Pegas um copo para beber
Para não te lembrares que é um dia mau.

É um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Telefonou-te o teu amigo a recordar-te que era um dia mau.

É um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Pegas um copo para beber
Para não te lembrares que é um dia mau.

É um dia mau!

Quando tentas esquecer,
Telefonou-te o teu amigo a recordar-te que era um dia mau.

É um dia mau!

Letra enviada por João Correia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Zé Dias no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS