Página inicial > Dance > W > Wanessa Camargo > Na Rua, na Chuva, na Fazenda

Na Rua, na Chuva, na Fazenda

Wanessa Camargo


Não estou disposto
A esquecer seu rosto de fez
E acho que é tão normal

Dizem que soy loco
Por eu ter um gosto assim
Gostar de quem não gosta de mim

Jogue suas mãos para o céu
E agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria quê
Estivesse sempre com você
Na rua na chuva na fazenda
Ou numa casinha de sapê

Jogue suas mãos para o céu
E agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria quê
Estivesse sempre com você
Na rua na chuva na fazenda
Ou numa casinha de sapê

Não estou disposto
A esquecer seu rosto de fez
E acho que é tão normal

Dizem que soy loco
Por eu ter um gosto assim
Gostar de quem não gosta de mim

Jogue suas mãos para o céu
E agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria quê
Estivesse sempre com você
Na rua na chuva na fazenda
Ou numa casinha de sapê

Jogue suas mãos para o céu
E agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria quê
Estivesse sempre com você
Na rua na chuva na fazenda
Ou numa casinha de sapê

Compositor: Hyldon

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Wanessa Camargo no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS