Sem Endereço

Wanderléa


Em meado de janeiro uma carta eu recebi
Numa tarde ensolarada cuja data eu me esqueci
Nessa carta o remetente se esqueceu de dar o nome
No envelope só trazia: Terezina, Piauí.

Na mensagem de ternura declarava o seu amor
Se dizia abandonado sem ninguém, sem um olhar
Passei horas meditando na mensagem que eu li
Sem quereer eu fui gostando do rapaz do Piauí.
Sempre que eu ouço alguém falar em Piauí

Eu sinto uma saudade do rapaz que eu nunca vi
Vive longe, tão distante mas é meu seu coração
Quanto mais o tempo passa
Mais aumenta esta paixão.

Esta é minha história, toda cheia de emoção
De alguém sem endereço que soluça em solidão
Se ele ainda me adora
Ou se acaso eu o perdi
Quero que alguém pergunte
Ao rapaz do Piauí.

Compositor: Chuck Berry Versão Rossini Pinto

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Wanderléa no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS