When The Circus Came To Town (tradução)

Voltaire


Quando o circo veio à cidade


Bem, os dias são longos eo trabalho é duro

Quando sua infância é gasto nos campos

E o verão parecia durar milhões de anos

Um dia, quando eu era apenas um menino

Durante uma dessas ondas quentes de verão

O locus foi silenciado pelo jogo de sinos

E lá estava a coisa para a qual eu ansiava

Um lugar onde eu pertencia

Onde eu realizado pela primeira vez a mão da pessoa que eu amo

Quando o circo chegou à cidade


Nós comemos doces-cones e corndogs

Algodão doce e doce-bastões

E nós compartilhamos uma maçã caramelo pelo arcade. Noit

E quando caiu e as estrelas rosa

E a luz deslumbrado feira

Nós montamos a roda gigante

Up no ar

E lá estava a coisa para a qual eu ansiava

O lugar onde eu pertencia

Onde eu realizado pela primeira vez a mão da pessoa que eu amo

Quando o circo chegou à cidade


E mais tarde, no parque de diversões

Nossos corpos parecia tão estranho

E os espelhos feitos nossos rostos parecia perturbado

E a cobra-homem no freak show

Ele te pegou tão alarmado

Que você correu e correu e correu

direita em meus braços

Na manhã seguinte, levantei-me

Envolvido minhas roupas em uma bola

E eu corri e corri para fugir com a feira

Mas quando cheguei, para minha surpresa

Todas as barracas e carroças tinham ido embora

E eles tinha roubado tudo o que a felicidade do ar


e ido era a coisa para a qual eu ansiava

O lugar onde eu pertencia

Onde eu última segurou a mão da pessoa que eu amo

Quando o circo chegou

Quando o circo chegou

Quando o circo chegou à cidade

When The Circus Came To Town


Well, the days are long and the work is hard

When your childhood is spent in the fields

And summer seemed to last million years

One day when I was just a boy

During one of those hot summer swells

The locus was silenced by the playing of bells

And there was the thing for which I longed

A place where I belonged

Where I first held the hand of the one I love

When the circus came to town


We ate candy-cones and corndogs

Cotton candy and candy-canes

And we shared a caramel apple by the arcade

And when night fell and the stars rose

And light bedazzled the fair

We rode the ferris wheel

Up into the air

And there was the thing for which I longed

The place where I belonged

Where I first held the hand of the one I love

When the circus came to town


And later, in the funhouse,

Our bodies looked so strange

And the mirrors made our faces seemed deranged

And the snake-man in the freak-show

He got you so alarmed

That you ran and ran and ran

Right into my arms

The next morning I got up

Wrapped my clothes up into a ball

And I ran and ran to run away with the fair

But when I arrived, to my surprise,

All the tents and wagons were gone

And they'd stolen all that happiness from the air


And gone was the thing for which I longed

The place where I belonged

Where I last held the hand of the one I love

When the circus came

When the circus came

When the circus came to town

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS