Um em Cem

Villa Baggage


To precisando falar umas verdades
Nem vou pedir desculpa, com sinceridade
CĂȘ fez novela ontem
Fingindo amor por outro homem

Fiquei bebendo a madrugada toda na cidade
Contando pros outros que foi crueldade
VocĂȘ me ver te olhando
Parecia que tava gostando

E quando ta com ele
VocĂȘ finge que eu nĂŁo sou ninguĂ©m, ninguĂ©m
Mais em quarto paredes
VocĂȘ diz que eu sou um em cem, em cem

Atende o celular
E vai lĂĄ pro hotel de sempre pra eu te desculpar
To chegando jajĂĄ
Enche a banheira e pÔe Jorge e Mateus pra tocar
E amanhĂŁ quando acordar
Termina com ele pra eu poder te amar
O tempo que vocĂȘ deixar

Atende o celular
E vai lĂĄ pro hotel de sempre pra eu te desculpar
To chegando jajĂĄ
Enche a banheira e pÔe Jorge e Mateus pra tocar
E amanhĂŁ quando acordar
Termina com ele pra eu poder te amar
O tempo que vocĂȘ deixar

E quando ta com ele
VocĂȘ finge que eu nĂŁo sou ninguĂ©m, ninguĂ©m
Mais em quarto paredes
VocĂȘ diz que eu sou um em cem, em cem

Atende o celular
E vai lĂĄ pro hotel de sempre pra eu te desculpar
To chegando jajĂĄ
Enche a banheira e pÔe Jorge e Mateus pra tocar
E amanhĂŁ quando acordar
Termina com ele pra eu poder te amar
O tempo que vocĂȘ deixar

Atende o celular
E vai lĂĄ pro hotel de sempre pra eu te desculpar
To chegando jajĂĄ
Enche a banheira e pÔe Jorge e Mateus pra tocar
E amanhĂŁ quando acordar
Termina com ele pra eu poder te amar
O tempo que vocĂȘ deixar
Atende o celular

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Villa Baggage no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS