Recaída

Villa Baggage

Frente e Verso


Já não me sobra força que possa impedir
Um manifesto de você dentro de mim
Nem que eu me deite e fecho os olhos pra esconder
Alguma imagem sempre vem lembrar você

Eu tô tentando me virar, fugir, correr
Mas todas placas me apontam pra você
E de repente tudo invadiu o meu nada
Uma miragem meio a uma deserta estrada
Estou paralisado e não sei pra onde vou
Uma recaída é o que me restou

Lembranças de um tempo que me fez sofrer {2 vezes
Tão veloz como o vento
Vem lembrar você

Eu tô tentando me virar, fugir, correr
Mas todas placas me apontam pra você
E de repente tudo invadiu o meu nada
Uma miragem meio a uma deserta estrada
Estou paralisado e não sei pra onde vou
Uma recaída é o que me restou

Lembranças de um tempo que me fez sofrer {3 vezes
Tão veloz como o vento
Vem lembrar você

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Villa Baggage no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS