Mariposas (tradução)

Victor e Leo


Borboletas


Lamentamos que o tempo já não passa

Você diz que não sabe nada

Amar assim

Foi tudo tão bonito

Eu vôo para o infinito

Quase como um jardim de borboletas

Agora você volta

E você confunde o que eu encontrei em outra

Dividido entre dois mundos

Eu sei que eu amo

Eu ainda não sei quem

Eu não posso dizer o que mudou

Mas nada se manteve o mesmo

Uma noite, nós procuramos

E no fim tudo está errado

Então, você quer tentar

Se este for mais

Borboletas sempre voltam

Eu sou o seu jardim

Mariposas


Hoy siento que el tiempo ya no pasa

Dices que no sabe a nada

Amar así

Fue todo tan bonito

Que volo hasta el infinito

Casi como Las mariposas de un jardín

Ahora que regresas

Y confundes lo que en otra encontré también

Dividido entre dos mundos

Sé que estoy amando

Pero aún no se a quien

No sé decir lo que cambió

Mas nada ha quedado igual

Una noche nos buscamos

Y al final todo está mal

Pues tu quieres probar

Si esto ya terminó

Mariposas siempre vuelven

Tu jardin siempre soy yo


Compositor: Victor Chaves

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS