Página inicial > Rock > V > Velhas Virgens > Buraco Quente

Buraco Quente

Velhas Virgens


No edifício do buraco quente
Noventa andares de gente demente
A festa não pára e ninguém diz nada
Pois todo mundo vive na balada

No Quarenta e Cinco vive um tal de Raul
Que tem em casa um cachorro urubú
No Oitenta e Três é Dona Amy Adega
Que bebe todas e nunca se entrega
No Meia Sete tem o Guto Cobain
Que não trabalha e vive muito bem
No Quatro Oito mora o João Borrão
Que é batera e desce a mão

No Vinte e Nove vive o Chico Beco
Toca trompete até de manhã cedo
Se no Meia Dois nasce o segundo o sol
Cássia Regiane canta em si bemol
No apê Quarenta mora João Limão
Imaginando uma nova canção
No Trinta e Cinco sempre rola um show
Mora um tal de Elvis, rock and roll

Então me diga quem chamou o "Police"
E mandou parar o som
Foi o Leandro Lanzillotta, do Vinte e Quatro
Que acabou com a diversão

Eu vou abrir mais uma ali!
Tchau!

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Velhas Virgens no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS