Página inicial > Infantil > T > Turma do Printy > Inexplicável Amor - Cantata Infantil de Dia das Mães

Inexplicável Amor - Cantata Infantil de Dia das Mães

Turma do Printy


Menina: tá chegando a hora que legal!
Tá chegando a hora
Menino: hora? hora de quê?
Menina: a hora da festa esqueceu?
Menino: é claro que eu não esqueci
Menina: há então isso quer dizer que você está pronto
Menino: pronto? pronto pra quê?
Menina: pronto pra explicar a todos
O grande amor de mãe
Menino: epa, a gente não pode explicar nada
Somos apenas bonecos esqueceu?
Menina: é verdade, mas vamos ajudar as crianças
A fazer isso
Menino: tudo bem mais tem uma coisa que eu quero falar
Fique sabendo que pra explicar amor de mãe não dá
Menina: não dá?
Menino: não dá
Menina: é mesmo não dá

Não dá pra explicar esse amor
Não dá pra exibir sua cor
Não dar pra definir o seu valor
Não dá, não dá, não dá

Não dá pra explicar esse amor
Não dá pra exibir sua cor
Não dar pra definir o seu valor
Não dá, não dá, não dá

Eu sei que você nem sonhava em se dedicar assim
Eu sei que você nem pensava que existe amor assim
Até o dia em que eu nasci
E a vida aconteceu
E esse amor de mãe te envolveu

Não dá pra explicar esse amor
Não dá pra exibir sua cor

Menina: o amor de mãe é muito grande
Menino: será que é maior que uma casa?
Menina: é claro que é
Menino: e e é maior que o edifício?
Menina: é bem maior
Menino: então é maior que uma cidade?
Menina: é, o amor de mãe é do tamanho do mundo
Menino: poxa então é muito, muito, muito grande
Menina: é por isso que eu amo a minha mamãe
Do tamanho do céu
Menino: e você já disse isso a ela?
Menina: já eu disse cantando
Menino: cantando?
Menina: é
Cantando a música que as crianças vão cantar agora

Mãe eu te amo, e sempre vou te amar
O teu carinho tão puro, ensina-me a sonhar
O teu amor me dá asas pra voar
Coragem pra seguir
Forcas pra lutar e graça pra servir

Grande amor inexplicável sim
Vem de Deus e se revela a mim
Inexplicável amor

Menina: os adultos dizem que quando a gente é criança
Adimiramos tudo que a mamãe faz
Menino: e é verdade tudo que a minha mamãe faz
É muito legal e muito bonito
Menina: é mas ninguém pode ser criança o tempo todo
A gente vai crescendo, crescendo
E as diferenças vão aparecendo
Menino: diferenças, eu ouvi alguém cantar sobre isso
Menina: ouviu mesmo essa é uma linda música
E fala muitas verdades

Houve um tempo mãe em que eu só te admirava
E tudo que você falava tinha tamanha relevância
Nesse tempo mãe eu era só uma criança
E no meu sonho de esperança queria ser igual a ti

Mas a infância de repente foi embora
E a gente nem notou a hora
Em que a mudança começou
Diferenças foram ganhando tantos passos
E a gente foi perdendo o passo
E pouco a pouco se afastou

Mas vem o tempo mãe
Em que a gente amadurece
Das diferenças se esquece
E a gente volta a se curtir
Nesse tempo mãe o que mais rola é o perdão
O senhor cura o coração
E o mal não pode resistir

Passe o tempo que passar
Sopra o vento que soprar
Nos teus braços estarei
Pois pra sempre te amarei
Minha mãe

Menina: poxa que lindo
Por que será que a gente ama tanto a nossa mãe?
Menino: ah é fácil
A primeira pessoa que a gente conhece
É a nossa mamãe, ela canta pra gente
Faz carinho, conta histórias
Cuida da gente o tempo todo
Como não amar uma pessoa assim
Eu sou muito apegado a minha mãe
Menina: é verdade eu amo tanto a minha mãe
Que não dá nem pra explicar

A primeira pessoa que eu conheci foi você
O primeiro carinho que eu recebi foi o seu
Nasci totalmente apegado e ligado a você
Até pensei que eu fosse você e você fosse eu

Inexplicável amor, amor que vem de Deus
Inexplicável amor de mãe
Inexplicável amor
Inexplicável amor, amor que vem de Deus
Inexplicável amor de mãe

Menina: é fabinho você tinha razão
Não dá pra explicar o amor de mãe
Menino: e sabe por que não dá?
Porque o amor de mãe é tão grande
Que não dá pra entender
Menina: mas a gente pode tentar fabinho
Os marinheiros acham que e esse amor
É maior do que o mar
Menino: os poetas escrevem lindas poesias
E os músicos cantam belas cançoes
Menina: tem gente que estuda as estrela
Mas esse amor não da pra explicar
Pois ele vem do próprio Deus

Tentei entender o teu amor
Na literatura, poesias e canções
Procurei no brilho das estrelas
Na força do oceano
No vigor das estações

Nada vi que pudesse comparar
A um som que ecoa desse amor
Amor de mãe, doce como mel
Presente lá do céu que aumenta a minha fé

Menina: já que não da pra explicar
Menino: vamos todos desejar
Feliz dias das mães

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Turma do Printy no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS