Página inicial > Sertanejo > T > Trio Parada Dura > Paixão Dividida

Paixão Dividida

Trio Parada Dura

Brilhante


Querida, estou aqui mais uma vez
Mas não vim pra mendigar o seu amor
Nosso amor já desabou, isto eu já sei
Por isso eu vim pedir mais um favor

Me dê um golpe de misericórdia
Me mande pro inferno se quiser
Mas, por favor, me mate de outra maneira
Porque morrer de amor é tão cruel

Veja só em quem você me transformou
Me tornei um morto-vivo ambulante
Que por fora ainda dou sinal de vida
Mas sou por dentro um casarão sem habitante

Já que não sou seu grande amor que um dia fui
Já que você já dividiu sua paixão
Já não sou dono absoluto de seus beijos
Talvez já nem esteja no seu coração

Por isso me abandone de uma vez
Saberei obedecer sua vontade
Pra morrer de amor juntinho de você
É melhor distante viver de saudade

Veja só em quem você me transformou
Me tornei um morto-vivo ambulante
Que por fora ainda dou sinal de vida
Mas sou por dentro um casarão sem habitante

Compositor: Reinaldo Queiroz/Ismalda Rosa

Letra enviada por Pedro Paulo Mariano

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Trio Parada Dura no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS