Página inicial > Sertanejo > T > Trio Parada Dura > O Relógio da Matriz

O Relógio da Matriz

Trio Parada Dura

Beco Sem Saída


O relógio da matriz lá do meu bairro
As badaladas estão me deixando louco
Eu me recordo de uma triste despedida
Por isso mesmo estou morrendo pouco a pouco

Oh! relógio
Porque não para pelo menos um instante
Não dá sossego ao meu pobre coração
Que está morrendo por alguém que está distante

Todos os dia quando chega a tardezinha
E o relógio bate as dezoito horas
Meu coração acompanha as batidas
Desde o momento que o meu bem foi embora

Oh! relógio
Porque não para pelo menos um instante
Não dá sossego ao meu pobre coração
Que está morrendo por alguém que está distante

É um martírio gostar de quem ama outro
Meu sofrimento um dia tem que ter um fim
A esperança é a última que morre
Talvez um dia ela volte para mim

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Trio Parada Dura no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS