Página inicial > Sertanejo > T > Trio Parada Dura > De Ponta Cabeça

De Ponta Cabeça

Trio Parada Dura


O país pede socorro está formada a confusão
Está de ponta cabeça podem prestar atenção
É cena até comovente brigas entre tubarão
Os grã-finos de gravata bravos iguais leão
No rosto do companheiro já estão chegando a mão
Não da pra acreditar que governam a nação

Existe uma guerra interna governo e oposição
Tem gente que comeu gordo com o dinheiro do cartão
A história da tapioca virou uma gozação
Devolveu o que gastou e não saiu do panelão
É muito feio para eles trocando acusação
É uma briga em família de irmão contra irmão

Agora fica a pergunta como fica o cidadão
Pois a classe mais carente esta passando privação
Onde está o dinheiro da saúde e educação
Tem doença sem controle matando de compaixão
Sem falar em outros problemas de sua obrigação
Pra consertar este mundo só Deus colocando a mão

O povo anda perdido não encontra solução
Tenho pena das crianças crescendo sem proteção
Idosos morrendo a mingua sem a devida atenção
Salário dos aposentados não dá pra comprar o pão
O dinheiro só entrando no bolso do folgazão
Que dá uma de honesto só em tempo de eleição

Compositor: José Amâncio/Lauri

Letra enviada por lincoln greik dos santos

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Trio Parada Dura no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS