Tonico e Tinoco

Último Roubo

Tonico e Tinoco


("Dormindo a pobre criança
Num sorriso de esperança
Na inocência divinal
Sonhava no seu bercinho
E via o seu presentinho
Numa noite de Natal

O menino inda dormindo
Viu então num sonho lindo
De repente uma visão
Sem cismá que era um marvado
Com um revórve embalado
Um perverso, um ladrão

O menino de repente
Acordando tão contente
Do bercinho levantô
Oh! Papai Noel querido
Atendeu o meu pedido
O ladrão ele abraço")

Eu não sou Papai Noé
Vim pra vê o que você qué
E Papai Noé lhe traz
Eu só quero um cavalinho
Se pudesse um sapatinho
Porque o meu não presta mais

Meu Deus que é toda clemência
Eu juro pela inocência
Do menino pobrezinho
Vô cumpri esta missão
Convencer todos os ladrão
A seguir pro bão caminho

Foi roubar o cavalinho
E o par de sapatinho
No bercinho ele deixou
Deu um beijo no menino
Que mudou o seu destino
Nunca mais ele roubou

Composição: Tonico, Capitão Furtado

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Tonico e Tinoco no Vagalume.FM

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS