Tonico e Tinoco
Página inicial > Sertanejo > T > Tonico e Tinoco > Recordação de Gaúcho

Recordação de Gaúcho

Tonico e Tinoco


Foi nascido no Rio Grande
e lá mesmo foi criado,
cavargando pelos pampa,
sempre alegre, atrás do gado.

Mas um dia resorvi
conhecer outros Estado.
E hoje eu vivo distante
do meu rincão adorado.

Arreei meu pingo amigo,
já vinha rompendo a aurora,
minha véia me abraçava:
Meu fio, não vá s'embora.

As gauchinha chorava.
- Vorte logo, sem demora.
Disse um adeus pro Rio Grande,
piquei o macho na espora

Tá fazendo muitos ano
que eu deixei o meu rincão.
Eu recordo das festança,
das noite de São João.

O rodeio nas estância,
o meu tempo de peão,
uma gaúcha marvada
que feriu meu coraçao.

Quero vortá pros meus pago,
quero vê meus conhecido
e pedir perdão pros véio,
que muito já tem sofrido.

Quero morrer na estância,
lugar onde fui nascido
quero rever minha terra,
o meu Rio Grande querido.

By: Luiz Fernando - Rib. Preto

Composição: Tonico E Dito Mineiro

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Tonico e Tinoco no Vagalume.FM

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS