Tim Bernardes

Velha Amiga

Tim Bernardes

Mil Coisas Invisíveis


Vida velha
Avenida pompéia
Memória que me alegra
Das coisas mais bonitas que eu vivi

Fim de inverno
O amor ficando sério
Declarações, o terno
Faz tanto tempo eu nunca mais te vi

Mande notícias, velha amiga
Como anda sua vida?
Como eu queria ver nós dois nos encontrando em paz
Uma vez mais

Noite de festa, tão depressa
Amor à primeira vista
E logo eu que andei tão triste e quase duvidei
Hoje eu bem sei

Velha amiga
Eu fiz o que eu podia
Você também fazia
Tentar viver de amor só não bastou

É doída
A história interrompida
A semi-despedida
O choque dos momentos de nós dois

Mande notícias, velha amiga
Como anda sua vida?
Como eu queria ver nós dois nos encontrando em paz
Uma vez mais

Tardes antigas
Nós na pista, bicicletas na avenida
Aquela cena, eu bem sabia, vinha pra durar
E ainda está

Há quem diga
Depois de tanta vida
Que o ponto de partida
É quase igual à onde deu no fim

Mas, de perto
O 'quase' era o mais certo
Na canção do Roberto
'Um grande amor não vai morrer assim'

Mande notícias, velha amiga
Como anda sua vida?
Como eu queria ver nós dois nos encontrando em paz
Uma vez mais

Manhã tão fria
Da cozinha eu vejo a cama está vazia
As coisas mudam e me resta agora querer bem
E mudar também

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Tim Bernardes no Vagalume.FM
ESTAÇÕES