Página inicial > Rap > T > Terceira Safra > Apenas Almas

Apenas Almas

Terceira Safra


Vou manter a nossa promessa
Nunca, jamais, em quaisquer circunstâncias
Falaremos mal ou alguma coisa imprópria sobre o outro
O problema é claro, é que os homens mais bem sucedidos

Têm um pender para alguma forma de vaidade
Em certo estágio da vida, eles se permitem ser egoístas
E alardear publicamente as suas espetaculares realizações
A que belo eufismo de auto elogio a língua inglesa evoluiu
Chamam isso de auto biografia

Nelson mandela na prisão

[maltrapilho]

Hoje não seu pra pensar na minha vida além do horizonte
Pra quem nasce na merda aqui não estima ir muito longe
Que é observado apenas quando se olha no espelho
Na aparência traz medo, herdeiro do desespero
Humanidade é o que? Apenas almas
O plano falho de Deus, olha as causas
Que são capazes de tudo, alienação desde o início

Exterminando a verdade dando prazer ao suicídio
E assim, nossa nação vai sendo dizimada
Vamos ter copa do mundo com guerra não declarada
Diabo é terno e gravata se locomovem blindados
Sorriso de marionete, tv é industrializado
Enquanto tem desemprego sem nenhuma vaga

Eu causo choro na elite, lucro pras funerária
Educação limitada me priva de assinar cheque
Só homicídio nos anjos da dante alighieri
São os futuro demônio fábrica de empresário
Na usp nunca admite pobre estudando do lado
Eu represento a rua quem faz de cama as calçada
Apelação pra esmola nos bafos de cachaça
Sou a bandeira de ódio da etiópia ao zaire
Não do coleira de ouro em festa pra yorkshire

O rap, tá agonizando de vez
Meus heróis traidores que agonizem vocês
Dinheiro tira da lama de uns até a ideologia
Quantas almas se perde pra ser brinquedo da mídia
O meu trabalho é sério um dia vem a melhora
Não faz sentido ser o foda se a favela ainda chora
Apenas almas insere domina o mundo moderno
Resulta em rap pesado psicografado do inferno
Não massageio meu ego rimando nota de 100
Porque eu sei o que é dor quando isso falta pra alguém

Refrão (2x)
Almas vão pagar, sem ter pra onde correr
Vidas vão passar, vermes vão sofrer
O gueto vai cobrar, não dá pra se esconder
Quem mata por matar, vai, morre por morrer

[phill]

Eles só deram córrego madeira e prego pra fazer goma
Transformam seu distrito em sodoma e gomorra
Querem te ver trampando catando café e soja
Utopia e genocídio a nível camboja
Nóis quer dinheiro sim, quer ter conforto então
Nóis quer acesso ao cofre sem c4 pra explosão
Desigualdade faz matar pelos malotes

Transforma pai de família em bocoti
Aqui é brasil amontoado de madeirit
Teto furado, piso de barro sem quartzo lite
Estamos preenchendo vala, eles contando nota
Estamos blindando a mente, eles blindando as porta
Manda se foder capcom e marvel
Heróis pra viver catam papel

Super heroínas são mães solteiras só
Quando o macho dominante não aguenta o b.O.
Alguns heróis já julgaram putas então
Por que vivem de prostituição?
Não sabem mais quem são quantos são, quantos tão
Se perderam no hall da fama das ilusão

Vermes camuflados em pele de canalhas
[vermes, prostitutos, só falta usarem saia]
Não condiz, perder tempo com o que eles diz
Terceira só faz diss pra promoter e juiz
Eu sou raiz, talvez o espelho entendeu
Se a resistência se perder aqui fudeu
Meu, dou mó valor pros dedo calejado, rosto pálido

Pra quem levanta reino camelando campo árido
Se o diabo amassou o pão, demoro nóis come
Se deus deu a condição cê tem que ser homem
Pra não cair cê tem que ter, calma
Calma, eu vou rezar pela sua alma

Refrão (2x)
Almas vão pagar, sem ter pra onde correr
Vidas vão passar, vermes vão sofrer
O gueto vai cobrar, não dá pra se esconder
Quem mata por matar, vai, morre por morrer

Dobra o joelho irmão
Para de pedir milagre pro seu deus aproveita e pede perdão

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Terceira Safra no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS