Roela Do Eno

Teodoro e Sampaio


O Eno é meu amigo e companheiro
O Eno é um cara especial
Coleciona roelas prateadas
Tem uma coleção sensacional
Uma noite o Eno foi no forró
Dançou demais e acabou perdendo
Uma roela que pra ele vale ouro
Tá procurando, tá chorando, tá sofrendo!

Refrão
Quem tá com a roela do Eno?
Não adianta disfarçar
Nem ficar escondendo!
Quem tá com a roela do Eno?
Não adianta esconder
Que eu vou ficar sabendo!

Subi no palco e falei o acontecido
Ninguém deu bola, ninguém quis me ajudar
Mas quem estava com a roela do Eno
Dava pra ver quando ia dançar!
Procurei no forró a noite inteira
Saí de lá tava quase amanhecendo
O meu amigo vai dar uma recompensa
Vamos pegar quem tá com a roela do Eno!

Na confusão então chamaram a polícia
Que já chegou descendo o pau e batendo
Eu só sei que apanhou
Até quem não tava com a ruela do Eno!
Mas no tumulto eu estava de olho
Saiu um cara que até hoje tá correndo
E a polícia tá na cola, tá achando
Que esse sujeito tá com a roela do Eno!

Letra enviada por Andrew Kotoski

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Teodoro e Sampaio no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS