Sofrimento

Teixeirinha


Eu tenho sofrido tanto
Por este mundo vivendo
Nos traz o destino alegre
O meu destino é sofrendo
Me criei correndo o mundo
Sem pai, sem mãe, sem ninguém
Só eu que posso contar
o amargo que a vida tem

Só eu que posso contar
o amargo que a vida tem

Moro na costa da serra
Canto como os passarinhos
Choro igual a corruíra
Quando o vento leva o ninho
Os anos vão se passando
Nunca pensei no amor
Não tem lugar pra mulher
Num peito cheio de dor

Não tem lugar pra mulher
Num peito cheio de dor

Sozinhos nas minhas noites
Sem carinho e sem afago
Meu amor é a madrugada
Meu parceiro é o mate amargo
Enquanto a chaleira chia
Cevo o amargo e medito
Fumo pra ver se alegro
O meu coração aflito

Fumo pra ver se alegro
O meu coração aflito

Quem me vê sofrendo assim
Diz é desacorçoado
Não, meu amigo, é trabalho
Que eu já tenho passado
Não posso ir contra o destino
Que me fez um sofredor
Quem sabe da minha vida
É só Deus nosso Senhor

Quem sabe da minha vida
É só Deus nosso Senhor

Amanhã eu vou embora
Lá pras bandas da cidade
Pra ver se por lá encontro
A dona felicidade
Se não encontrar eu volto
Pro meu ranchinho de novo
Cantar com os passarinhos
E morrer longe do povo

Cantar com os passarinhos
E morrer longe do povo

Letra enviada por Leandro Saueia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Teixeirinha no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS