• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Milonga de andar lejos
    (Daniel Viglietti)
    TARANCÓN - CD LO UNICO QUE TENGO - 1977

    Qué lejos está mi tierra
    Y, sin embargo, qué cerca
    o es que existe un territorio
    donde las sangres se mezclan.

    Tanta distancia y camino,
    tan diferentes banderas
    y la pobreza es la misma
    los mismos hombres esperan.

    Yo quiero romper mi mapa,
    formar el mapa de todos,
    mestizos, negros y blancos,
    trazarlo codo con codo.

    Los ríos son como venas
    de un cuerpo entero extendido,
    y es el color de la tierra
    la sangre de los caídos.

    No somos los extranjeros
    los extranjeros son otros;
    son ellos los mercaderes
    y los esclavos nosotros.

    Yo quiero romper la vida,
    como cambiarla quisiera,
    ayúdeme compañero;
    ayúdeme, no demore,
    que una gota con ser poco
    con otra se hace aguacero.

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Tarancón

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.