Página inicial > Sertanejo > S > Sula Miranda > Caminhoneiro do amor

Caminhoneiro do amor

Sula Miranda


Ele sai logo de madrugada

E vai pegando a estrada com seu

Caminhão

Quase sempre me deixa dormindo

E vai sumindo pela serração

A carreta vai cortando o vento

E ele passa o tempo

Só pensando em mim

E espero morta de saudade

Que a sua viagem logo chegue ao fim

E vai e vem

Não tem parada

Traz uma carga de saudade

Na chegada

E vem e vai mais uma jornada

E a minha vida vai com ele

Nessa estrada

O caminho é sempre perigoso

E ele é cuidadoso, não pode arriscar

Suas mãos bem firme no volante

Certez constante de que

Vai chegar

Na vontade de voltar pra casa

Quase que põe asas em

Seu caminhão

Ele é o meu caminhoneiro

E viaja o tempo inteiro no

Meu coração

E vai e vem não tem parada

Traz uma carga de saudade

Na chegada

E vem e vai mais uma jornada

E a minha vida vai com ele

Nessa estrada

Quando chega é sempre

Aquela festa

Tudo que nos resta é tempo

De amar

Na alegria da sua chegada

Eu sou mais uma estrada pra

Ele trafegar

E nas curvas da felicidade

A nossa saudade é coisa

Que passou

E me leva o meu caminhoneiro

Pelos sorrateiros caminhos

Do amor

E vai e vem não tem parada

Traz uma carga de saudade

Na chegada

E vem e vai mais uma jornada

E a minha vida vai com ele

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Sula Miranda no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS