Something The Boy Said (tradução)

Sting

Ten Summoner's Tales


Algo o menino disse


Quando nos propusemos nesta jornada

Não houve dúvidas em nossas mentes

Montamos nossos olhos para a distância

Gostaríamos de encontrar o que iríamos encontrar

Tomamos coragem de nossos números

O que nós buscamos não temia

Às vezes casar vislumbre uma sombra caindo

A sombra desapareceria

Mas nossos pensamentos voltava

Para algo que o menino disse

medida que se virou para ir

Ele disse que você nunca vai ver nossas caras novamente

Youll ser alimento para a Gralha-preta


Cada passo que demos hoje

Nossos pensamentos sempre desviar

Do vento na charneca tão selvagem

Para as palavras do Algo

Algo que o menino disse


Nos círculos que fizemos com nossos fogos

Falamos da tarde pálida

As nuvens eram como cavaleiros negros

Voando sobre a face da lua

Falamos nossos medos ao

capitão e perguntou o que seu filho poderia saber

Para nunca teríamos marchado até agora

Para ser comida por um corvo


Cada passo que demos hoje

Nossos pensamentos sempre desviar

Do vento na charneca tão selvagem

Para as palavras do Algo

Algo que o menino disse


Quando eu acordei esta manhã

O olho sóis era vermelha como sangue

O cheiro de queima de cadáveres

Faces na lama

Estou morta ou estou viva?

Im muito medo de me importo, estou com muito medo de saber

Im muito medo de olhar atrás de mim

Na festa do corvo

Falamos nossos medos ao

capitão e perguntou o que seu filho poderia saber

Para nunca teríamos marchado até agora

Para ser comida por um corvo


Algo que o menino disse

Something The Boy Said


When we set out on this journey

There were no doubts in our minds

We set our eyes to the distance

We would find what we would find

We took courage from our numbers

What we sought we did not fear

Sometimes wed glimpse a shadow falling

The shadow would disappear

But our thoughts kept returning

To something the boy said

As we turned to go

He said youll never see our faces again

Youll be food for a carrion crow


Every step we took today

Our thoughts would always stray

From the wind on the moor so wild

To the words of the captains child

Something the boy said


In the circles we made with our fires

We talked of the pale afternoon

The clouds were like dark riders

Flying on the face of the moon

We spoke our fears to the captain

And asked what his son could know

For we would never have marched so far

To be food for a crow


Every step we took today

Our thoughts would always stray

From the wind on the moor so wild

To the words of the captains child

Something the boy said


When I awoke this morning

The suns eye was red as blood

The stench of burning corpses

Faces in the mud

Am I dead or am I living?

Im too afraid to care, Im too afraid to know

Im too afraid to look behind me

At the feast of the crow

We spoke our fears to the captain

And asked what his son could know

For we would never have marched so far

To be food for a crow


Something the boy said

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS