Eu Me Rendo

Sorriso Maroto

Ao Vivo em Recife


Onde é que foi parar aquela menina,
Que me encantava quase toda noite,
Jogando ao vento palavras,
Olhares, sorrisos e pernas.
Telefonemas de duplo sentido,
Que me deixaram de calo no ouvido,
Daquele jeito assim de respirar,
A fim de me afogar de paixão e desejo.
Faz o possível pra não dar bandeira,
Até pensei que não era comigo,
Mas você foi mais e mais se chegando,
Apertando o cerco,
Usando todas as armas
Que sabe usar uma mulher,
Quando quer.

Pois então vem,
Completa agora o teu feitiço,
Vem, não faz essa cara de
Quem não tem nada com isso.
Vem, pára com esse papo
De o que é que eu fiz,
Faça o que quiser,
Eu me entrego,
Mas me faça feliz.

Faça o que fizer,
Eu me rendo mas me faça ...

Onde é que foi parar aquela menina,
Que me encantava quase toda noite,
Jogando ao vento palavras,
Olhares, sorrisos e pernas.
Telefonemas de duplo sentido,
Que me deixaram de calo no ouvido,
Daquele jeito assim de respirar,
A fim de me afogar de paixão e desejo.
Faz o possível pra não dar bandeira,
Até pensei ...
Mas você foi mais e mais se chegando,
Apertando o cerco,
Usando todas as armas
Que sabe usar uma mulher,
Quando quer.

Pois então vem,
Completa agora o teu feitiço,
Vem, não faz essa cara de
Quem não tem nada com isso.
Vem, pára com esse papo
De o que é que eu fiz,
Faça o que quiser,
Eu me entrego,
Mas me faça feliz.

Faça o que quiser,
Eu me rendo ...

Pois então vem,
Completa agora o teu feitiço,
Vem, não faz essa cara de
Quem não tem nada com isso.
Vem, pára com esse papo
De o que é que eu fiz,
Faça o que quiser,
Eu me entrego,
Mas me faça feliz.

Faça o que quiser,
Eu me rendo ...

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Sorriso Maroto no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS