Cabelos Brancos

Sílvio Caldas

Maxximum: Silvio Caldas


Não falem desta mulher perto de mim
Não falem pra não aumentar minha dor
Já fui moço, já gozei a mocidade
Se me lembro dela me dá saudade
Por ela vivo aos trancos e barrancos
Respeitem ao menos os meus cabelos brancos.
Ninguém viveu a vida que eu vivi
ninguém sofreu na vida o que eu sofri
As lágrimas sentidas, o meu sorriso franco
Refletem-se hoje em dia nos meus cabelos brancos
E agora em homenagem ao meu fim.

Compositor: samba, 1949 autores: Marino Pinto e Herivelto Martins

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Sílvio Caldas no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS