Sérgio Reis

Chalana

Sérgio Reis

40 Anos de Estrada


Lá vai uma chalana
Bem longe se vai
Riscando o remanso
Do Rio Paraguai

Oh! Chalana sem querer
Tu aumentas minha dor
Nestas águas tão serenas bis
Vai levando meu amor

E assim ela se foi
Nem de mim se despediu
A chalana vai sumindo
Lá na curva do rio

E se ela vai magoada
Eu bem sei que tem razão
Fui ingrato e feri
O seu pobre coração

refrão

Composição: Mário Zan / Arlindo Pinto

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Sérgio Reis no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS