Saia Rodada

360 Graus

Saia Rodada


Ainda não tive coragem de ver as nossas roupas juntas
Confuso, eu procuro respostas pra tantas perguntas
Na casa persiste a saudade
Na mesa um lugar vazio
E mesmo nas noites sem chuvas o quarto está frio

360 graus, meu mundo teve uma mudança
Diante de tantos degraus quem é que não cansa
Quem não cansa

Eu sinto que o trauma da perda é quem reprise os meus
assuntos
Eu ando sem terra nos pés e com o mundo nos ombros
Não quero guardar os pertences, apenas registrar o
fato
Do último sorriso na foto do porta retrato

360 graus, meu mundo teve uma mudança
Diante de tantos degraus quem é que não cansa
Quem não cansa

É tanta intranquilidade que nem tranquilizante acalma
Eu posso curar no física, mas nunca da alma
Um nevoeiro de tristeza feixou meu horizonte aberto
De longe eu escuto o silêncio dizendo estou perto

360 graus, meu mundo teve uma mudança
Diante de tantos degraus quem é que não cansa
Quem não cansa

360 graus, meu mundo teve uma mudança
Diante de tantos degraus quem é que não cansa
360 graus, meu mundo teve uma mudança
Diante de tantos degraus quem é que não cansa
Quem não cansa

Composição: Os Nonatos

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Saia Rodada no Vagalume.FM

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS