Página inicial > Samba Enredo > R > Rosas de Ouro > Samba-Enredo 2007

Samba-Enredo 2007

Rosas de Ouro


Eu vou cantar e alertar
Hoje a mãe terra é carnaval
Inspiração para os meus versos
Fonte de energia natural.

Concebida pelo criador
No universo a explosão
Clareando o firmamento
Surge o planeta na imensidão.
Das águas nasce o milagre da vida,
Nas formas toda sua evolução
Do céu, lá do céu, o amor fecunda o seu chão,
Oh mãe terra generosa
Tu és alimento e proteção.
Do oriente ao ocidente foi preciso navegar
Para um mundo desvendar.
Conquistando o espaço
Vi que a terra é azul... azul celestial
Contemplei sua beleza
Descobri um paraíso divinal.

Porém como simples mortal
Lutarei contra o mau, chega de destruição,
Preservar sua essência
Reciclar a conciência, contra a devastação,
Brasil, das verdes matas e florestas
A esperança é o que nos resta
O pulmão do mundo é você
Ouça o clamor da Rosas de Ouro
Que cada um consiga o seu quinhão
Somos filhos do teu chão.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Rosas de Ouro no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS