Página inicial > Romântico > R > Rodriguinho > Para de Falar Besteira

Para de Falar Besteira

Rodriguinho


Quando saio pra me divertir
Logo vem você querendo discutir
Eu não posso olhar pra nenhum lugar
Você acha que
Quero te provocar
O que a gente tinha já passou
Deu o que era pra dar
Só você não notou
Minha vida tem que continuar
A sua também
Então sai pra lá

Minha paciência tem limites tem(tem limites tem)
Meu pé não é lugar de ninguém

(REFRÃO)
Para de falar tanta besteira
Por que eu não tô de brincadeira
Me segue de segunda à sexta-feira
Você tá muito baladeira (2x)

(É assim)
Sempre reclamou de mim
Fez questão de difamar
Fez minha fama por aí
Agora vou aproveitar
Foi você quem quis assim
Não adianta reclamar
Quando for falar de mim..

(REFRÃO)
Para de falar tanta besteira
Por que eu não tô de brincadeira
Me segue de segunda à sexta-feira
Você tá muito baladeira
(Tô avisando!) (2x)

Quando saio pra me divertir
Logo vem você querendo discutir
Eu não posso olhar pra nenhum lugar
Você acha que
Quero te provocar
O que a gente tinha já passou
Deu o que era pra dar
Só você não notou
A minha vida tem que continuar
A sua também
Então sai pra lá

Minha paciência tem limites tem(tem limites tem)
Meu pé não é lugar de ninguém

(REFRÃO)
Para de falar tanta besteira
Por que eu não tô de brincadeira
Me segue de segunda à sexta-feira
Você tá muito baladeira (2x)
(muito baladeira!)

(É assim)
Sempre reclamou de mim
Fez questão de difamar
Veja a fama por aí
Agora vou aproveitar
Foi você quem quis assim
Não adianta reclamar
Quando for falar de mim..

Para de falar tanta besteira
Por que eu não tô de brincadeira
Me segue de segunda à sexta-feira
Você tá muito baladeira (2x)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Rodriguinho no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS