Página inicial > Hip Hop > R > Rashid > Revoilusão

Revoilusão

Rashid

Dádiva e Dívida


1, 2 hã, hã
Revoilusão
Yeah, guerra santa, sangue, areia, água benta
Como se fosse menos pecado, matar por religião, sem saber que tão matando a fé das pessoas
Um revolução fajuta, e uma ilusão bem empregada
Políticos de um lado e povo de outro
Rebeldes

Ei, a quanto tempo o silêncio nos guia, digam!
Há quanto tempo o medo nos guia
Há quanto tempo a gente trabalha duro
enquanto o senhor do engenho mantém a barriga cheia e a mente vazia

Desde esse tempo a semente crescia, rara!
Era a visão mas ela existia, clara!
Nossa noção que para mudança do mundo
era necessário bem mais do que uma camisa do Che Guevara
É necessário garra!
Ei você que ainda acredita na justiça, vem no bonde com a favela

Vem pra ver que a justiça não é cega, ela só fechou os olhos pra não ver o que fizeram com o nome dela
Pelo mundão o povo quer melhora, eu sei
Em épouca de eleição quem tem um olho é rei
Negão, em terra de corrupção, o que são leis?
Então, se só servem pra nós e não pra vocês

(Refrão)
Irmão, o mundo não dá voltas em vão
Porque hérois só existem na televisão
Digam: Viva a revoilusão, viva! Viva a revoilusão, viva!
Irmão, tem tanto discurso e pouca ação
Então que se dane, eu vou lutar com as minhas próprias mãos!
Digam: Viva a revoilusão, viva! Viva a revoilusão, viva!

Pastores sem ovelhas, fiéis
Atores sem saber seus papéis
Predadores sem caça, atacam sem saber o que fazer, tipo um time sem um camisa 10
Pedras ou vidraças, somos a resistência disso aqui

Descendência de tupi-guarani
Guaraná pra brindar nas calçada, vi tanta indescência de tupi, e o que diria Zumbi?
1 bilhão no seu cartão não compra minha honra, independência ou morte, menino lá da norte

Sobrevivi no cote (?), me atrevi a não depender da sorte, boicote!
Vários foram pegos por um decote,
Só que ainda existem homens de verdade nessa terra e enxergaram o tamanho dessa guerra
Enquanto lá fora continua a rixa,
Caem prédios, caem bombas, mas quando é que vai cair a ficha?

(Refrão)
Irmão, o mundo não dá voltas em vão
Porque hérois só existem na televisão
Digam: Viva a revoilusão, viva! Viva a revoilusão, viva!
Irmão, tem tanto discurso e pouca ação
Então que se dane, eu vou lutar com as minhas próprias mãos!
Digam: Viva a revoilusão, viva! Viva a revoilusão, viva!

Coiotes na espreita
Te obrigando a bater continência a quem você nem respeita
Procuram sucesso e a receita,
Passaram pela porta larga, meu time preferiu a porta estreita
Eu sou a consequência real da violência,
só que minha violência é verbal

Não preciso me armar porque até um samurai sem espada, é capaz de derrubar só com o olhar
Vem, porque perto daqui eu sei que existe um bom lugar, onde todos os guerreiros vão parar

Se Deus quiser, a gente ainda tem muito pra andar e correntes já não vão poder mais segurar seus pés
Nossos pais confiaram, ancestrais confiaram,
e olha agora o que aqueles moleques se tornaram
De que lado você tá? Dos que saíram pelo mundo e falaram?
Ou dos que entraram na biblioteca e se calaram?

(Refrão)
Irmão, o mundo não dá voltar em vão
Porque hérois só existem na televisão
Digam: Viva a revoilusão, viva! Viva a revoilusão, viva!
Irmão, tem tanto discurso e pouca ação
Então que se dane, eu vou lutar com minhas próprias mãos!
Digam: Viva a revoilusão, viva! Viva a revoilusão, viva!

Viva (3x)
Viva a revoilusão (2X)

Encontro vocês lá fora, onde a gente precisa e pode mudar! Fui!

Letra enviada por Larissa Fernanda Oliveira Nascimento

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Rashid no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS