• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Mais uma história de um pivetinho, gênio da rua
    Mais um gênio pivete com uma história igual a sua/
    Mais um você de qualquer canto em toda calçada
    Espelho, espelho meu com um reflexo em cada quebrada/
    Que sonhava demais
    Mas não tinha nenhum emprego ou salário aliás/
    Desclassificado dos padrões,
    Nos classificados dos jornais
    Cansado dos patrões, e seus carros blindados nos sinais/
    Cova de leões, a escola num foi nada a mais
    Aprendeu tudo que sabe ouvindo CDS do racionais/
    Que geralmente os fanfarrões, a rua é quem sobe o gás
    Apenas diferentes começos, mesmos finais/
    Sagaz! Nasceu pra dar o troco
    Tipo uma profecia que se cumpre pouco a pouco/
    Cavaleiro do apocalipse, escuro como um eclipse
    Pra tirar os seus desse sufoco/

    Sabe porque eu vim?
    porque eu quero entregar o melhor
    Nem que eu pague com meu suor
    Se esse é o preço pra sonhar/
    Sabe porque eu vim?
    porque eu quero entregar o melhor
    Nem que eu pague com meu suor
    Se é pra garantir meu lugar/
    E eu não devo NADA PRA NINGUÉM! (Repete)

    E toda noite ele orava aos céus pedindo luz
    Porque o caminho errado é o que sempre seduz/
    Luz, não por ter medo do escuro porque na verdade,
    é o mal que tem medo da claridade/
    Cê sabe, quando se nasce a maldade vem de brinde...
    É o pacote que esse mundo te oferece/
    Se apresse a fim de...
    Garantir seu passe, a prece de cada mãe
    é o que faz de seu filho um Messi/
    Um Massa, um Martin, um Malcolm
    Ele decidiu que não se resumiria a ficar atrás de um balcão/
    Sem plano B pra vida, era SER ou SER
    Até que viu seu sonho ali acontecer/
    Era mestre em desobedecer, imprevisível
    Um guerreiro de fé, soldado/
    Seu sonho era ser feliz, o mundo disse que era impossível
    E no fim o mundo tava errado!/

    Sabe porque eu vim?
    porque eu quero entregar o melhor
    Nem que eu pague com meu suor
    Se esse é o preço pra sonhar/
    Sabe porque eu vim?
    porque eu quero entregar o melhor
    Nem que eu pague com meu suor
    Se é pra garantir meu lugar/
    E eu não devo NADA PRA NINGUÉM! (Repete)

    As pedras sempre rolam
    e essa avalanche no final vem pra cima de mim
    Só que quando pensarem que não,
    eu volto pra pisar nas flores do seu jardim/
    Eu não sei explicar, eu só sei confundir
    os sábios que já me julgaram e me apontaram
    Quando ele piscar, olha quem veio pra jantar/

    Sabe porque eu vim?
    porque eu quero entregar o melhor
    Nem que eu pague com meu suor
    Se esse é o preço pra sonhar/
    Sabe porque eu vim?
    porque eu quero entregar o melhor
    Nem que eu pague com meu suor
    Se é pra garantir meu lugar/
    E eu não devo NADA PRA NINGUÉM! (Repete)

    Letra enviada por Nayran Cosme
    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Rashid

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.