De Borest

Quase Nada


Hoje aconteceu (o quê?) tudo o que eu queria,
Fiz coisa pra caralho, mas no fundo eu não sabia.
Fui pro banheiro apertar um pra começar a session
E depois um cigarrinho só pra ficar de borest.

E na seqüência eu fui pra rua com meu skatinho
Enquanto eu andava tocava meu diguizinho.
Chegando na casa do brother, já muito doidão,
Entrei pela cozinha e senti um cheiro bom.

O moleque tava no quarto babando no travesseiro,
Eu disse "acorda moleque! Eu já tofei o meu primeiro".
Logo depois que ele acordou vamos continuar a session,
Minha mãe não tá em casa então, tá de borest!

Eu disse oi! Tá de borest ôoo!
Tá de boreeest!
Depois fomos pro posto matar um laricão,
Hot dog e um suquinho, isso aqui tá muito bom.

E agora não tem grana pra comprar o meu careta,
Só tenho R$1,50 pra comprar minha camiseta.
Eu vou na casa da minha mina o pai dela não ta lá,
Hoje o dia vai ser bom, vai rolar o PÁPÁPÁ!

Eu te dou minha camiseta, mas compra um cigarrin'
Que depois de um rango desse eu to na fissura sim.
E na inércia nós vazamos pra continuar a session,
Cigarrinho depois do rango então, tá de borest!

Eu disse oi! Tá de borest ôôô!
Tá de boreeest!
Depois a galera foi pro garagem de baú
Mas no meio do caminho os homem deram bacú.

O gambé não achou nada, a parada tava no mato
E como o gambé não sabia ele ficou indignado
"Cadê essa parada?" o gambé me perguntou
Eu disse "não mexo com isso!", ele não acreditou.

Comecei a disfarçar, mas o gambé não percebeu
E no final das contas o pé de botas se fudeu..
E agora não tem jack, o que é que vamos fazer?
Que tal entrar na roda e começar.. a se bater?

... Saindo do garagem completamente suado,
Eu tinha que admitir que eu tava muito passado!
Mas aquela noite valeu a pena, sangue bom
Além de bater cabeça, eu tava muito doidão!

Então vamos pegar o atalho que eu tenho que ir pra casa
Eu só vou comprar minha breja e pegar minha parada
Mas agora fudeu!
Eu esqueci onde muquiei.

Fiquei pensando e procurando até que enfim eu encontrei então!
Pega essa parada e bota logo aí no saco,
Que o baú já vai passar nós vamos chegar atrasado...
Moleque, sai dessa nóia, aqui não passa mais baú!

Mas no meio do caminho a gente vai levar outro bacu...!
Só tem mais uma faina, vamos continuar a session
Depois que a faina for pra mente, tá de borest! (4x)

Compositor: Kuasenada

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Quase Nada no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS