Adeus

Qualquer Bordô


De tanto se guardar, nada mais lhe restou
De tanto dividir, todo amor se acabou
Não consigo ser raso
Escasso, minguado tampouco
Não consigo ser metade
Quero o todo e mais um pouco

Hoje me sinto completo
Não procuro mais os olhos teus
Para você eu dei tudo
E vazia lhe deixo
Adeus

Me deixe ser feliz
Irracional, louco
Melhor partir agora
Do que sumir pouco a pouco

Hoje me sinto completo
Não procuro mais os olhos teus
Para você eu dei tudo
E vazia lhe deixo
Adeus

Letra enviada por Aline Paz

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Qualquer Bordô no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS