Quando Chego (Explícita)

Q.U.M. (Qualidade e Unidade Musical)


Verso1 (Xingu Arantes)
Marcas de lábios no pescoço.. cabelo jogado,
Mais um gole e sinto o gosto.. de destilado,
Estilo é mato e eu fumaço.. dinheiro é o poder,
Esse é o fato, esse é o fato..

Explicitamente presidencial, sua buceta é o prato principal,
Seu perfume contraste essencial, esse batidão é anormal,
Na noite eu brilho, fico louco..
Louco pra fazer tudo tremer, tipo big bang faço acontecer,
Q1 fode, manda ver ..

O som nos leva, seu corpo peca, e se entrega,
Pra perdição.. na espera de tesão..
Se, o batidão mostra, disposição.. então me jogo, exploro,
Seu perfume me atrai, o olhar que me faz saber que é,
Tipo assim... oh, ow, ow.. saber que é tipo assim.. tipo assim,
O seu olhar me mostra que é tipo assim..
Tipo assim... oh, oh, oow...

Refrão (Thiago Oyo)
E Quando eu chego na boate, aumenta o volume,
Sei de qualé da paty pelo cheiro do perfume,
Só moleque destaque,
Fora do costume, dá um grau nos mic e deixa que a Q1 assume.

Verso2 (Koyote)
Mano eu tô de boa.. vivendo o meu som..
Na boca das vagaba, o que?, mais do que batom..
Minha lupa tá na cara e eu tô trajando o moletom..
Aí que as mina tara quando escuta o meu dom.. gata...
Ce vai me procurar.. no topo da piramide ce vai me encontrar,
Que eu só tenho uma chance, meu destino é brilhar,
Se você abrir as pernas gata, eu vou botar...
Oow! .... meu estilo é gringo,
Meu tenis tá brilhando combinando com os brincos,
A gata me puchando e tirando meu cinto,
Me diz que eu sou malandro e dá um sorriso lindo..
Haha.. até que tava previsto,
Não é que eu tô me achando é papo de destino,
Meus raps tão insano, nem poema cito,
Moleque eu tô treinando pra um dia ser mito..

Verso3 (Thiago Oyo)
Na Balada, cara de safada, só jeans apertada,
Blusa decotada, perfumada, e esperando por ação, ção,
Papo, de, cinema, o lema é sem tema,
Põe todas no esquema, roubando a cena,
Sem, nenhuma precaução, cão,........
Geral, quebrando e descendo até o chão, chão,
Chamando atenção que nem fogos de artifício,
Começando pelo chão e virando seu vício,
Ouviram explosão mais não vejo vestígios,
Macluv batidão, dão, levantando vestidos, ela dança seduzindo,
Mais conheço seu tipo,
Uns goles, uns moles, e a mão no cabelo,
Não fode uma dose de vodka e gelo,
Dose dupla nessa porra, e aumenta o volume,
Põe na conta da Q1, que a Q1 assume,
3 mic bom.. e o jogo de luzes,
A pista pegando fogo, quero ver quem não pule..

Refrão (Thiago Oyo)
E Quando eu chego na boate, aumenta o volume,
Sei de qualé da paty pelo cheiro do perfume,
Só moleque destaque,
Fora do costume, dá um grau nos mic e deixa que a Q1 assume.

Compositor: Xingu Arantes, Thiago Oyo, Koyote

Letra enviada por Underground King

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Q.U.M. (Qualidade e Unidade Musical) no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS