Página inicial > Regional > P > Porca Veia > Gaiteiro Alma e Cordeona

Gaiteiro Alma e Cordeona

Porca Veia


Tem dias que eu me levanto
Com a Alma redomona
E o gosto das querendonas
Apeiam dentro de mim
Talvez por eu ser assim...
Gaiteiro, alma e cordeona

Essa minha gaita
Há muito tempo me acompanha
Que se atiça e se assanha
Quando toca um vaneirão

Me volta ao peito
Uma saudade de campanha
Que nem os goles de canha
Me tirou do coração

A-lhe minha gaita
Tu te encolhe e eu te espicho
Num vai e vem compassado
Vamos campeando cambicho
Tal qual um jogo onde ganha picardia
Me entrevero noite e dia nos retrechos de seu tom
Que me dão rumos pra esta vida tão vazia
Pois é tua melodia que faz o mundo tão bom

"Passemo" A vida vivendo assim bem faceiro
As "veiz" toco por dinheiro, maioria por paixão
Pois abraçado no teu corpo companheira
Torno a vida mais faceira, dou vazão ao coração

Compositor: Celso Dornelles E Jose Claro

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Porca Veia no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS