Peleja

Ponto de Equilíbrio

Essa É a Nossa Música


Meu mano a vida inteira eu vivo nesta peleja, nesta missão
Nenhuma armadilha, covardia do inimigo me fará desistir não, não...
Me fará desistir, não, não, não, não

No princípio é a fé com arruda e guiné, comigo ninguém pode.
Cortando todo mal que há com a cabeça no congá, espada de São Jorge.
Só o tempo mostrará quem realmente está contigo
Sem nenhuma intenção, não esqueça que tudo vai, tudo vêm

Quem realmente irá sobrar, quando tudo isso for para o além
Seus atos e história, irão ecoar também
Tem mais de cem querendo o bem de quem tem, sem querer o bem
Sem necessidade, vaidade da carne fraca, transa mal dada
Palhaçada de gente que não acrescenta em nada, só faz peso na terra
Não sabe falar, só grita e berra
Só grita e berra

Quem corre atrás não espera acontecer
Pra conquistar tem que fazer por merecer

Meu mano, a vida inteira eu vivo nesta peleja, nesta missão.
Nenhuma armadilha, covardia do inimigo, me fará desistir não, não
Me fará desistir, não, não, não, não

Saber cair e andar, saber valer viver
Saber se levantar, sem ter o que temer
Ser homem de verdade é cumprir seu dever (Pode crer, Nissin)
Se superar é vencer, ninguém pode dizer o que é bom pra você
Só você pode ver com os seus próprios olhos
Quanto que o mundo é bem mais profundo
Do que brigas tolas por motivos óbvios
Só pra quem supera a pobreza interna
Em meio à guerra do amor com ódio
se eleva e leva a riqueza eterna
Se desprenda dos ponteiros do relógio

"Nós" não desiste, "nós" canta mesmo em crise se levanta
Como a Fênix na chama, um diamante da lama
A vida inteira carregando uma cruz muito pesada
Me fez forte o bastante para poder carregá-la
Agora sai da frente porque eu tenho uma missão e
um guerreiro só volta pra casa com a missão cumprida
E cada gota de suor não será em vão,
se preciso pago com a morte, se preciso pago com a vida
Está escrito na História e nunca mudará
Aquele que é vitorioso sempre incomodará
Aquele que é o preguiçoso e nunca vai me alcançar

Tem coisas que só o rico pode ter ou pode ser, só que não...
Vou mostrar pra você que sua decisão é o que vai pesar,
É o que vai fazer valer.
Riqueza da alma vai prevalecer, para mim e para você
Nessa vida a saída que você vai escolher.

Letra enviada por Leandro Saueia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Ponto de Equilíbrio no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS