A Essa

Pimpinela


Venha aqui, quero dizer algo
A essa, que te afasta de mim
Que me rouba seu tempo, sua alma e seu corpo
Me diga
Dizer o que?
Que venha, eu sĂł quero ver
Se ela vai de verdade poder
Repetir o que sou pra vocĂȘ

Para quĂȘ?
A essa, que se faz de perfeita
Esperando vocĂȘ disposta
A essa, que nĂŁo fala as verdades
Que vocĂȘ nĂŁo suporta
A essa, vai ter que dizer
O quĂȘ?
Que venha
Para quĂȘ?
Eu lhe dou meu lugar

O que quer provar?
Que limpe sua mesa, que lave sua roupa
E suas misérias
O quer demonstrar?
Que venha, verĂĄ pra valer
O que vai conseguir?
Eu sĂł quero saber se ela vai ser capaz
De lhe dar o que eu dei
A essa, a essa
A essa vai ter que dizer, que venha

Essa, que lhe faz tanto mal
Foi capaz de me amar como gosto
De abrir um sorriso pra vida
Essa, que a vocĂȘ faz falar
NĂŁo me cobra atitudes e entende o que sinto
Na forma de olhar

A essa, o que pode gostar de viver
Com vocĂȘ com fissuras de um dia
A essa, que sĂł se ou deseja ou
Compartilha tais alegrias
A essa vai ter que dizer

O que?
Que venha
Para que?
Eu lhe dou meu lugar
O que quer provar?
Que limpe sua mesa, que lave sua roupa
E suas misérias
O quer demonstrar?
Que venha, e verĂĄ pra valer
O que vai conseguir?

Eu sĂł quero saber se ela vai ser capaz
De lhe dar o que eu dei
A essa, a essa
A essa vai ter que dizer, que venha

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Pimpinela no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS