Página inicial > Romântico > P > Péricles > Chance Pro Azar

Chance Pro Azar

Péricles

Nos Arcos da Lapa


Não sei porque te encontrar
É muita chance pro azar
Você me diz acerta a certeza

A mente diz voltar jamais
E o peito pede um pouco mais
E o corpo é breve, cede e fraqueja

Quando eu dô por mim
Já é depois do fim, eu voltei
Quando eu vou reagir, juro não repetir
Eu não sei, me entreguei outra vez

Não é recaída, não é reinício
Não é sem carinho nem é compaixão
É um restinho de amor, é desejo é vontade
Eu tento ser forte, mas é sempre tarde
Você já me enfeitiçou

Não é recaída, não é reinício
Não é sem carinho nem é compaixão
É um restinho de amor, é desejo é vontade
Eu tento ser forte, mas é sempre tarde
Você já me enfeitiçou

A mente diz voltar jamais
E o peito pede um pouco mais
E o corpo é breve, cede e fraqueja

Quando eu dô por mim
Já é depois do fim, eu voltei
Quando eu vou reagir, juro não repetir
Eu não sei, me entreguei outra vez

Não é recaída, não é reinício
Não é sem carinho nem é compaixão
É um restinho de amor, é desejo é vontade
Eu tento ser forte, mas é sempre tarde
Você já me enfeitiçou

Não é recaída, não é reinício
Não é sem carinho nem é compaixão
É um restinho de amor, é desejo é vontade
Eu tento ser forte, mas é sempre tarde
Você já me enfeitiçou

Compositor: Munir Trad

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Péricles no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS