Bela Manhã

Paulinho da Viola


Quando o sol iluminou
A bela manhã do dia
Sobre o leito revirado
Em teu corpo perfumado
A luz descia

Eu então rezei
Agradecendo ao criador
O prazer de conhecer
Por um momento
A felicidade deste amor

Quando o sol iluminou
A bela manhã do dia
Sobre o leito revirado
Em teu corpo perfumado
A luz descia

Eu então rezei
Agradecendo ao criador
O prazer de conhecer
Por um momento
A felicidade deste amor

Havia no teu sorriso
Um sinal tão claro de satisfação
Que o bem que tanto eu queria
Finalmente não era mais uma ilusão

E peço a Deus
Que nada mais possa nos separar
Pois eu não saberia mais viver
Sem poder te amar

Quando o sol iluminou
A bela manhã do dia
Sobre o leito revirado
Em teu corpo perfumado
A luz descia

Eu então rezei
Agradecendo ao criador
O prazer de conhecer
Por um momento
A felicidade deste amor

Havia no teu sorriso
Um sinal tão claro de satisfação
Que o tem que tanto eu queria
Finalmente não era mais uma ilusão

Havia no teu sorriso
Um sinal tão claro de satisfação
Que o tem que tanto eu queria
Finalmente não era mais uma ilusão

E peço a Deus
Que nada mais possa nos separar
Pois eu não saberia mais viver
Sem poder te amar

E peço a Deus
Que nada mais possa nos separar
Pois eu não saberia mais viver
Sem poder te amar

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Paulinho da Viola no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS