Angola

Paulinho Alma

Temporal


Quando dá dentro do peito
Sentimento que a mente não controla
Mano velho, a gente entende
Que é momento de se dar - chegou a hora!

É chamado - tá nas veias!
E se vem do céu é bom, não me apavora
É saudade na bagagem
Predestinação, coragem - vou embora!

Eu vou pra angola
Eu vou pra angola

Há crianças em lubango
Esperando una noticia - boas novas!
E isso é mais do que a passagem
Mais que dias de viagem, ora bolas!

Mais que leite na barriga
É o pão que gera a vida - eu sei agora
E se a minha vaidade
Não vale a eternidade eu jogo fora

Eu vou embora
Eu vou pra angola

Companheiros de viagem
Presente do céu
A garota dos meus sonhos
Filhos e um papel
(que é viver a vida no temor de deus
Conhecer aquele que ele escolheu)

Letra enviada por Paulinho Alma

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Paulinho Alma no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS