Página inicial > Rock > P > Patrola > Menino Selvagem

Menino Selvagem

Patrola


Cala a boca ai menino!
Porque agora é: Menino Selvagem!

Um menino selvagem era novo na cidade
Passava a noite toda só pensando em sacanagem
Queria conhecer tudo que era novidade
Então se juntou aos malandros da cidade
Eles mostraram tudo a ele
Então ele virou o rei da malandragem
Não tinha medo de polícia
Afinal era milícia
Era cheio de mulheres e fez muitas conquistas
Andava de bermuda e com o cigarro na mão
Cerveja, Whisky, vinho, cachaça com limão
Era o que ele tomava logo pela manhã
Sempre alguém dizia pra ele parar com aquilo
E ele bem alto gritava ao pé do ouvido

Ei!
Deixe de onda
Ei!
Deixe a minha lombra

Mas um menino selvagem era novo na cidade
Passava a noite toda só pensando em sacanagem
Queria conhecer tudo que era novidade
Então se juntou aos malandros da cidade
Eles mostraram tudo a ele
Então ele virou o rei da malandragem
Não tinha medo de polícia
Afinal era milícia
Era cheio de mulheres e fez muitas conquistas
Andava de bermuda e com o cigarro na mão
Cerveja, Whisky, vinho, cachaça com limão
Era o que ele tomava logo pela manhã
Sempre alguém dizia pra ele parar com aquilo
E ele bem alto gritava ao pé do ouvido

Ei!
Deixe de onda
Ei!
Deixe a minha lombra

Ei!
Deixe de onda
Ei!
Deixe a minha lombra

Putz velho,
vou ter que me aquietar bem depois dessa!

Compositor: Robert Thiago

Letra enviada por Patrola

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Patrola no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS