Página inicial > Gospel/Religioso > P > Padre Zezinho > Estão Nos Agredindo, Senhor

Estão Nos Agredindo, Senhor

Padre Zezinho


São nossos vizinhos que se dizem convertidos para Jesus.
Mas quem agride e ofende são eles, não nós.
Dizem que acharam a luz e que nós estamos nas trevas.
Dizem que eles têm Jesus e que nós não temos.
Dizem que estão crescendo e nós diminuindo.
Condenam-nos por irmos aos nossos cultos, enquanto eles vão aos deles.
Chamam nosso culto de "idolátrico" e garantem que o deles é que é puro.
Já algo em diretas o tempo todo,
Para dizer que sabem o que nós não sabemos.
Caluniam-nos, acusando-nos de idólatras, que não somos.
Atacam-nos por termos bíblias diferentes, símbolos diferentes.
Mas nós já existimos há séculos e eles começaram há 30 anos.
Com tão pouco tempo de vida,
Garantem que são mais sábios e mais santos porquê seus pregadores sabem mais.
Eles têm a bíblia e os símbolos deles, e nós não os atacamos.
Nós temos nossa bíblia, mas antiga que é a deles, e eles a criticam.
Brigam por traduções, porquê eles também não sabem em aramaico.
Nem grego.
Falam com orgulho do sangue de Cristo que tem poder,
mas criticam-nos quando dizemos que o coração do Cristo tem poder.
Atacam nossos líderes,
Já vieram mostrar manchetes que narravam pecados de padres.
Seus líderes têm os deles e nunca mostram os pecados dos seus pastores.
E nós não os atacamos.
Quando tivemos em mãos manchetes de pastores que pecaram não fomos mostrar a eles.
Já oramos com eles, quando morreu alguém da casa deles.
Mas quando morreu nosso avô, eles não vieram aqui orar do jeito católico.
Já recebemos em nossa casa o pastor deles, mas eles nunca receberam nosso pároco.
Por isso, oramos por esses vizinhos.
Converteram-se para uma igreja, mas pelo que fazem.
Ainda não se converteram para ti.
Agem de um jeito oposto a tudo aquilo que ensinaste.
Preocupam-se com o cisco no nosso olho,
Manter o sete-três,
E nem percebem o graveto que entrou no deles.
Perdoa-os, Senhor.
Sabem tudo de religião,
Menos o que deveriam saber de vizinhança e de fraternidade.
O nosso pregador nos manda acolhê-los e chamá-los de irmãos.
Ontem, a vizinha pediu que não a chamássemos de irmã porquê seu pastor não gosta.
Pelo visto, o pastor dela não gosta do que o Senhor gosta.
Segundo ele, não somos da mesma religião.
E não somos, mesmo.
A nossa nos diz que Deus é pai de todos, e que todos são irmãos.
Na dela, Deus é só pai dos que freqüentam aquele templo.
Que pena, Deus! Que pena!

Compositor: Pe. Zezinho, Scj

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Padre Zezinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS