Minhas Condições

Otavio Augusto e Gabriel


Recebi hoje um bilhete apaixonado
De uma pessoa que eu não pensava mais ver
E que um dia,ao me ver desamparado
Não me queria,teve a audácia de dizer

Não sei
Se abafo essa alegria e apenas choro
Se boto fogo no bilhete e ignoro
A quem um dia magoou meu coração
Não sei
Se boto banca pra exigir o que é direito
Com pouco caso,digo a ela que aceito
Que ela volte sob as minhas condições

Você promete
Que nunca mais vai me deixar dormir sozinho
Que esta saudade vai ser flor no meu caminho
Que nunca mais abre a boca pra mentir
Você jura
Que toda noite vem beijar a minha boca
E que aceita meua carinhos como louca
Depois me deita no seu colo pra dormir

Não sei
Se abafo essa alegria e apenas choro
Se boto fogo no bilhete e ignoro
A quem um dia magoou meu coração
Não sei
Se boto banca pra exigir o que é direito
Com pouco caso,digo a ela que aceito
Que ela volte sob as minhas condições

Você promete
Que nunca mais vai me deixar dormir sozinho
Que esta saudade vai ser flor no meu caminho
Que nunca mais abre a boca pra mentir
Você jura
Que toda noite vem beijar a minha boca
E que aceita meua carinhos como louca
Depois me deita no seu colo pra dormir

Compositor: Paulo Azarias E Marináh

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Otavio Augusto e Gabriel no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS