Eu Bebi Por Ela

Otavio Augusto e Gabriel

Mala Amarela


Se acaso numa dessas madrugadas
Alguém me ver caído na calçada
Eu bebi por ela
Se alguém me ver na rua arrasado
Não me censure por estar embriagado
Eu bebi por ela

Se acaso alguém me encontrar assim
Por Deus eu peço faça um favor por mim
Conta pra ela
Ela tem que devolver a minha vida
Me libertar dessa prisão que me castiga
Se estou bebendo,pode crer,a culpa é dela

Se alguém me ver na rua desse jeito
Conta pra ela tudo o que eu estou passando
Seja sincero,fala toda a verdade
Diga também que eu estou sempre chorando

Se alguém me ver na rua da amargura
E por acaso me encontrar embriagado
Conta pra ela o quanto eu estou sofrendo
Que de paixão eu estou quase morrendo
Se estou bebendo é por estar apaixonado

Se acaso alguém me encontrar assim
Por Deus eu peço faça um favor por mim
Conta pra ela
Ela tem que devolver a minha vida
Me libertar dessa prisão que me castiga
Se estou bebendo,pode crer,a culpa é dela

Se alguém me ver na rua desse jeito
Conta pra ela tudo o que eu estou passando
Seja sincero,fala toda a verdade
Diga também que eu estou sempre chorando

Se alguém me ver na rua da amargura
E por acaso me encontrar embriagado
Conta pra ela o quanto eu estou sofrendo
Que de paixão eu estou quase morrendo
Se estou bebendo é por estar apaixonado

Compositor: José Victor E Joselito

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Otavio Augusto e Gabriel no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS