Mariana

Oswaldir e Carlos Magrão


Eu conheci a mariana numa festa,
era criança mas muito bonitinha.
E foi crescendo a bendita da Gaúcha,
e eu na esperança de um dia ela ser minha.

Mas um certo dia ela se apaixonou pôr um rapaz,
e me trocou pôr um garoto violeiro.
Mesmo assim eu nao perdi a esperança,
de ser um dia o seu amor primeiro.

Certo dia fui convidado para uma festa bem distante,
na casa de um amigo lá na fronteira.
Lá eu vi os olhos da malvada Mariana,
senti saudades mas não pude conversar.

Mariana já arrependida se lembrava,
que em outros tempos eu fui seu amor primeiro.
Tinha a feição de uma mulher abandonada,
já desprezada pelo garoto violeiro.

Quem conheceu a Mariana quando moça,
na formosura tinha muito que contar.
Mas quando a sina e o destino determina,
a dura sorte ninguem pode reparar.

flavio.drunn@cotriel.com.br

Compositor: Flávio M. Drunn

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Oswaldir e Carlos Magrão no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS