Página inicial > Regional > O > Os Monarcas > Perfil Gaúcho

Perfil Gaúcho

Os Monarcas


Quem nasce na pampa bruta
já sabe a luta como será.
Quem dorme sobre um pelego
não tem o apego que o ouro dá.
Quem tem o corte pra lida
empurra a vida e sabe que Deus dára.
O que é bom já nasce feito
e melhora um eito se nasceu por lá.

[Refrão]
Ausente fico sem jeito
me sinto feito pela metade!
São partes do meu retrato,
capão de mato, várzea e coxilha!
Só o vento que encontra o rosto
devolve o gosto da liberdade!
Que eu volto a ser eu inteiro
sentindo cheiro da maçanilha!

Um velho ditado diz
que quem é feliz já enriqueceu.
Numa mala de garupa
cabe num 'upa' tudo que é meu.
O que eu tenho não tem preço
e eu agradeço tudo o que Deus me deu.
Não vim a o mundo por luxo
e sendo gaúcho, já sou mais eu!

[Refrão]
Ausente fico sem jeito
me sinto feito pela metade!
São partes do meu retrato,
capão de mato, várzea e coxilha!
Só o vento que encontra o rosto
devolve o gosto da liberdade!
Que eu volto a ser eu inteiro
sentindo cheiro da maçanilha!

Eu tenho o perfil de um povo
que mescla o novo e a tradição.
Quem quiser me ver por perto
é o momento certo prum chimarrão.
De longe verá uma estampa
guardando a Pampa pra nova geração.
Com Deus do lado direito,
o mapa no peito e o laço na mão.

[Refrão]
Ausente fico sem jeito
me sinto feito pela metade!
São partes do meu retrato,
capão de mato, várzea e coxilha!
Só o vento que encontra o rosto
devolve o gosto da liberdade!
Que eu volto a ser eu inteiro
sentindo cheiro da maçanilha!

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Os Monarcas no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS