Página inicial > Sertanejo > O > Os Filhos de Goiás > A Volta do Meu Bem

A Volta do Meu Bem

Os Filhos de Goiás


Hoje cedo eu acordei quase louco de paixão.
Dando suspíro doído e com uma dor no coração.
Porque sonhei que estava nos braços do meu amor.
Ela me deu um beijinho e depois um forte abraço.
Me fez bastante carinho e sorrindo me falou:
“Meu bem, se você me ama,eu também amo você,
Pra deixar de te amar só depois que eu morrer”.

Aquelas doces palavras comoveu meu coração.
Senti meu corpo queimando no fogo de uma paixão.
Senti vontade de gritar de tanta felicidade.
Ela apertou-me em seus braços,me falou com a voz tremendo:
“Meu bem,eu te amo demais,de paixão estou morrendo.
Eu nasci para você e você nasceu para mim.
Somos Dois Apaixonados,o nosso amor não terá fim.

Depois de tanto sofrer e depois de tanto chorar.
Sozinho em meu apartamento comecei a recordar
aquele sonho tão lindo que tive com meu amor,que
partiu para bem distante e chorando me deixou.
Naquele exato momento a campainha tocou.
Desiludido eu pensei”podia ser o meu amor”.
E quando eu abri a porta recebi uma surpresa.
Que alí estava de volta a minha maior riqueza.

A Dor maior deste mundo é a dor de uma paixão.
Só quem ama é quem sabe o quanto dói um coração.
Amei,amei demais,com ternura e sinceridade.
Por isso eu sou feliz,feliz para a eternidade.
Poque meu sonho de amor se tornou realidade.
Agora eu posso gritar bem alto ao mundo inteiro.
Morreu a minha paixão e acabou meu desespero.

Compositor: Maurico/criolo

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Os Filhos de Goiás no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS