Página inicial > Indie > O > O Terno > Enterrei Vivo

Enterrei Vivo

O Terno

66


Enterrei vivo o meu amor
Pra ele agonizar até morrer
Enterrei vivo o meu amor
Pois não pude mata-lo de vez

Enterrei vivo o meu amor
Bem fundo dentro de mim
E até hoje quando passo
Em frente a sua porta
Ele quer ex-plo-dir

*(repete as estrófes anteriores duas vezes)

Enterrei viva o meu amor
Pra ela agonizar até morrer
Enterrei viva o meu amor
Pois não pude mata-la de vez

Enterrei vivo o meu amor
Bem fundo dentro de mim
E até hoje quando passo
Em frente a sua porta
Ele quer ex-plo-dir


Letra:Letícia Gonzaga

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a O Terno no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS