Óbvio

O Rappa

O Silêncio Q Precede o Esporro


Saia do ócio
Não caia no obvio
Não quero ter um sócio
Eu quero um antídoto
pra viver melhor

Em nome da Fé
acertar a si mesmo
como em transe
em busca de algo superior

Praticando a maldade
sem sentir
como se estivesse certo
Em busca
de um desafio
poderoso por um instante

cai o mito
de quem esta falando
ignorância
e a ganância
se refugiam na dor
natureza sofredora
faca de dois gumes
Brasa espalhada
que vira pó

( André Luna - FanRappa )

Compositor: Xandão/lobatinho/falcão/lauro

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a O Rappa no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS