Doomsday (tradução)

Nocet


Juízo final


De repente o sol não veio

E o outono ficou

Quando borboletas secas forraram o chão


Os sábios deitaram-se na argila

E não sobreviveram ao abismo de si

Quando o tempo estancou


Os tolos comeram coisas que não possuíam

E então, só por gula, devoraram a si mesmos


De repente o sol não veio

E o outono ficou

Quando borboletas secas forraram o chão


Os tolos comeram coisas que não possuíam

E então, só por gula, devoraram a si mesmos


Enfim o futuro

Eclipse total mental diante dos olhos

Diferente de tudo, o velho pesadelo do juízo final

Que preferiu sonhar sozinho

Na imensidão do fim do mundo


Os tolos comeram coisas que não possuíam

E então, só por gula, devoraram a si mesmos

E estávamos juntos noite passada

Quando o tempo estancou

Doomsday


Suddenly the sun didn't appear

And the autumn stayed

When dry butterflies covered the ground.


The wise men lay down on the clay

And didn't survive the abyss of themselves

When the time stalled.


The fool men ate things they didn't possessed

And then, only by greed, devoured themselves.


Suddenly the sun didn't appear

And the autumn stayed

When dry butterflies covered the ground


The fool men ate things they didn't possessed

And then, only by greed, devoured themselves.


Finnaly the future

Total eclipse of my mind before the eyes.

Unlike anything, the old nightmare of doomsday

Wich prefered to dream alone

In the immensity of the end of the world


The fool men ate things they didn't possessed

And then, only by greed, devoured themselves.

And we were together night

When the time stalled

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS